Buscar
  • Adauto Silva

Chacina: Corpo de 'Oney Putaria' foi encontrado dentro da casa incendiada. Mataram mãe e três filhos



A polícia Civil de Manacapuru resgatou na manhã desta quarta-feira, 30, os corpos da mãe e três filhos vítimas de chacina que ocorreu em uma comunidade São do Geraldo no Lago do Jacaré, zona rural de Manacapuru. De acordo com as apurações da Polícia Civil, os corpos da mãe e os três filhos estavam dentro da residência em meio ao pouco que sobrou da casa incendiada.



Ainda segundo a PC a mãe e dois filhos que foram mortos e tiveram os corpos queimados dentro da residência, eram inocentes, e nada tinham a ver com a rincha que motivou o crime.



O terceiro filho, identificado por Putaria, que inicialmente foi tido como sequestrado pelo bando executor, também foi morto no momento da chacina e teve o corpo queimado dentro da residência, o que dificultou a identificação inicial.



Segundo moradores da comunidade, foram ouvidos muitos tiros no local e depois ele viram as chamas tomando conta da casa.



A mãe, era uma idosa de 86 anos, identificada como Lucineia Rodrigues de Oliveira, ela era uma moradora antiga da comunidade rural e morreu de graça por conta de uma desavença que supostamente um dos filhos teve com o suposto autor de comandar a chacina.



Dois dos filhos que foram assassinados e tiveram os corpos queimados, também não tinha relação nenhuma com a desavença do irmão. Eles foram identificados como Ney Rodrigues Oliveira (27), vulgo Louro e Diones Rodrigues Oliveira (39), vulgo Dió.



De acordo com as investigações iniciais da Polícia Civil, as mortes foram motivadas por vingança, já que Oney Rodrigues Oliveira (34), vulgo Putaria, que inicialmente não teve o corpo localizado, teria tentado matar um desafeto no dia 23 de fevereiro, que teria prometido vingança. Esse homem é um dos suspeito de ter participado da chacina.


Os corpos serão encaminhados ao IML e a Polícia Civil segue com as investigações.

0 comentário