top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Unidades do restaurante popular Prato Cheio recebem palestras informativas sobre o CRAS

Palestra detalha as competências do Centro de Referência da Assistência Social, serviços e benefícios do órgão, além dos endereços em Manaus

 

O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), realiza, nesta semana, palestras sobre as funções do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) e a garantia de direitos. A atividade iniciou nesta segunda-feira (13/03), no Prato Cheio da Compensa, zona oeste.  

 

Ao longo da semana, as palestras também serão realizadas nas unidades localizadas nos bairros Centro (14/03), Novo Israel (15/03) e Alvorada (16/03), com horário marcado para iniciar às 8h30.

 

Além de restaurante popular, o Prato Cheio também promove palestras educativas e informativas sobre assuntos de saúde, alimentação e cidadania, desde o início da implantação do programa.  

 

Com o tema "Informações sobre Garantia de Direitos: funções do CRAS", a palestra detalhou as competências do Centro de Referência da Assistência Social - que é executado pela Prefeitura de Manaus e monitorado pela Seas - os serviços e benefícios do órgão, além de indicar os endereços dos CRAS em Manaus.  

 

"A palestra de hoje tem como objetivo esclarecer. Porque as pessoas pensam que o CRAS tem apenas uma função, que é o Bolsa Família, mas ele vai muito além. O CRAS trabalha com as famílias em situação de vulnerabilidade social, orienta a população sobre seus direitos sociais, sobre programas e projetos da assistência social. Então hoje meu trabalho foi trazer essas informações aos usuários das unidades", disse a assistente social Érica Costa, responsável pela ação.  

 

Para dona Francisca Souza, 76, que frequenta o local, a palestra é de grande ajuda pois orienta e dá um direcionamento a quem necessita dos serviços do CRAS.  

 

"É muito importante porque não sabemos de que maneira se dirigir a essa instituição. Toda vez que tem essas palestras, eu estou aqui. Gosto muito porque orienta a gente. A gente não tem muito acesso para chegar nos órgãos, e nesse caso, ela já deu um encaminhamento bom para a gente", destacou Francisca.

 

Prato Cheio

 

O Prato Cheio é um programa social que tem como público alvo as pessoas em situação de vulnerabilidade, entre os quais desempregados, pessoas com deficiência, trabalhadores informais e mulheres que chefiam famílias e que se encontram em situação de extrema pobreza, pobreza ou baixa renda. O programa tem 44 unidades em funcionamento, sendo 18 em Manaus e 26 no interior.

 

O programa é dividido em dois serviços distintos: nos restaurantes populares, o almoço é vendido pelo valor simbólico de R$ 1, de segunda a sexta-feira, das 11h às 13h. Nas cozinhas populares, a sopa é gratuita e cada pessoa atendida tem direito a 1 litro do alimento, de sabores variados, de segunda a sábado, também das 11h às 13h.


0 comentário

댓글


bottom of page