top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Semana da Indústria: Ipaam destaca requisitos para aquisição de licença industrial

Um dos requisitos é possuir uma contrapartida que diminua o impacto ambiental causado pelas indústrias

 

O Amazonas exerce um papel importante no setor industrial, tendo como principal fomento econômico o Polo Industrial de Manaus com aproximadamente 600 indústrias que geram cerca de 112.961 empregos. Além de seu papel industrial, a Zona Franca carrega consigo uma responsabilidade ambiental, por estar instalada na Amazônia.

O Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) é o responsável por licenciar e fiscalizar atividades industriais no estado, entre outras. Para que uma indústria seja implantada no Amazonas, um projeto de preservação ambiental assegurando a sustentabilidade da floresta se faz necessário, dessa forma um processo de Licenciamento Ambiental é iniciado.

Juliano Valente, diretor-presidente do Ipaam destaca a necessidade de uma contrapartida em nosso estado. “A indústria se beneficia, muitas vezes, da matéria prima do meio ambiente, nada mais justo e consciente que ter um planejamento que diminua o impacto atribuído por ela no local em que foi instalada”, pontuou Valente.

De acordo com a técnica ambiental Letícia Barros, da Gerência de Licenciamento Industrial (Geli), o processo para que uma empresa tenha sua atividade legalizada passa por um protocolo documental específico. No caso das indústrias é necessário a apresentação da certidão do uso e ocupação do solo, que é emitida pela prefeitura. Após a entrada dos documentos é realizada a caracterização da atividade seguida de uma visita técnica.

“O Licenciamento é um processo importante para garantir que as indústrias possam realizar o processo correto dos resíduos, minimizando os impactos ambientais e garantido de forma segura o desenvolvimento industrial, preservando a manutenção da Amazônia”, ressalta e finaliza a técnica.

0 comentário

Comments


bottom of page