top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Secretário de Segurança do Amazonas participa de reunião de trabalho em Brasília

O plano "Amazônia Mais Segura" é um conjunto de ações integradas na área de segurança pública, a serem desencadeadas na Amazônia Legal


O secretário de Estado de Segurança Pública do Amazonas, General Carlos Alberto Mansur, participa, nesta sexta-feira (24/02), da reunião de trabalho sobre a apresentação do Plano Amazônia Mais Segura (AMAS), em Brasília (DF). A atividade acontece na sede do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), e conta com a presença do Ministro do MJSP, Flávio Dino, do secretário Nacional do secretário-executivo adjunto do MJSP, Diego Galdino, do secretário Nacional de Segurança Pública, Tadeu Alencar, e demais secretários estaduais de segurança pública dos estados que integram a Amazônia Legal.

Na pauta da reunião de trabalho está a apresentação do Plano AMAS, que é um conjunto de ações integradas de área de segurança, a serem desencadeadas e/ou fortalecidas na Amazônia Legal. Na próxima semana, uma nova reunião deve ocorrer para que os secretários da região da Amazônia Legal possam apresentar suas necessidades.


“Fui convidado para participar da reunião aqui no Ministério da Justiça e Segurança Pública, juntamente com os estados que compõem a Amazônia Legal, para que o Ministério da Justiça e Segurança Pública apresentasse o Plano Amazônia Mais Segura. Esse plano tem como objetivo o combate aos crimes na Amazônia Legal, principalmente, os crimes ambientes”, ressaltou.

Durante a reunião, o secretário amazonense abordou o trabalho das forças de segurança do Amazonas por meio fluvial, destacando a importância das Bases Fluviais integradas, demais investimentos que colaboram para ações no Estado; a continuidade das parcerias já existentes com o MJSP; e a maior integração entre a SSP-AM, a Polícia Federal, a Polícia Rodoviária Federal e o Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública - Regional Norte (CIISPR-Norte).


“No Amazonas atuamos em diversas operações, principalmente na Base Fluvial Arpão, para combater o narcotráfico e demais crimes nas calhas dos rios. Em breve, será lançada a Base Arpão II em outra calha de rio. O principal objetivo é blindar o estado contra a entrada de entorpecentes e de armas de fogo”, enfatizou.

Conforme o secretário, essa será mais uma parceria da SSP-AM com o MJSP, assim como a integração em programas como: Guardiões da Fronteira, Guardiões do Bioma e também na capacitação dos agentes do sistema de segurança pública.


O plano 

O plano é uma parceria do MJSP com a Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Força Nacional de Segurança, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e com as Forças Armadas.

O plano prevê a instalação de novas bases terrestres e fluviais na Amazônia Legal, ampliação e capacitação do efetivo e investimentos em soluções tecnológicas que vão intensificar o combate ao crime na região.


0 comentário

Comments


bottom of page