top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Quinta-feira ingrata para dois prefeitos da calha do Solimões cassados; pra um ainda há recursos

Uma decisão de primeira instância e uma colegiada cassaram nesta quinta-feira, 07/09 os prefeitos de Codajás e Coari, dois municípios localizados no médio Rio Solimões e vizinhos.


Prefeito Cassado I


O Prefeito de Codajás, Antônio Ferreira dos Santos, e o vice-prefeito, Cleucivan Gonçalves Reis, terão seus mandados cassados conforme foi determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no início desta quinta-feira (7). to de Codajás, Antônio Ferreira dos Santos, e o vice-prefeito, Cleucivan Gonçalves Reis, terão seus mandados cassados conforme foi determinado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no início desta quinta-feira (7). Em sua sentença juiz Geildson de Souza Lima, afirmou que o prefeito e vice, e outros três envolvidos, Jozenilson Lopes Pontes, Marcos Rodrigues da Costa e Francimara Penha Freitas, foram declarados inelegíveis para as eleições por oito anos. O prefeito e o vice foram condenados por abuso de poder econômico por corrupção eleitoral e captação ilícita de recursos. De acordo com a denuncia, os cassados estão envolvidos em esquema de distribuição de dinheiro para eleitores, cestas básicas, bolas, telhas, doação de terrenos, cargos na prefeitura para os envolvidos na organização criminosa.

Da decisão cabe recurso e o prefeito Antônio Ferreira disse que a condenação não tem fundamentos por falta de provas e que irá recorrer.


Prefeito Cassado II


Já no outro caso o TSE confirmou nesta quinta-feira, 07/09 a cassação do prefeito Adail Pinheiro Filho e determinou a realização de nova eleição no município.


0 comentário

Comments


bottom of page