top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Parintins 2023: Torcedores dos bois Caprichoso e Garantido movimentam Porto de Manaus

Mais de 120 mil visitantes vão passar pela ilha tupinambarana durante o período do Festival, que acontece de 30 de junho a 2 de julho

 

De malas prontas e vestidos com as cores dos seus bois, os torcedores de Caprichoso e Garantido embarcaram, nesta quinta-feira (29/06), com destino a Parintins (distante 369 quilômetros de Manaus). Eles fazem parte dos mais de 120 mil turistas que vão curtir o Festival de Parintins, que acontece de 30 de junho a 2 de julho.

No Porto de Manaus, os dias que antecedem a festa dos bumbás são os mais agitados. Teve torcedor que deixou para comprar e arrumar tudo na última hora. Foi o caso do Antônio Macedo, trabalhador do Distrito Industrial. Vestindo as cores do boi Caprichoso, ele disse que passou os últimos dias acompanhando as redes sociais, de quem já está no município de Parintins, e sentiu vontade de ir também. 

“Eu vi todo mundo indo e fiquei muito empolgado. Agora, um dia antes do primeiro dia do Festival de Parintins, estou com uma expectativa maior ainda e decidi comprar de última hora. Estou transbordando de felicidade e é só um aperitivo do que vem por aí. Todo mundo tem que conhecer a festa”, ressaltou o industriário. 

 

Já acomodada em um dos barcos com a família, Maria Celeste, 57, e torcedora do boi Garantido, está ansiosa para colocar os pés, pela primeira vez, em Parintins.

 

“Eu quero curtir tudo que tiver por lá, quero aproveitar muito a cidade. Eu nunca fui, mas a minha sobrinha ficou me incentivando, me convencendo. Na televisão não passa toda a emoção, mas ao vivo é diferente”, disse a torcedora.

Quem também está aproveitando toda essa movimentação no Porto de Manaus são os donos dos barcos. O Mauro Silva, 48, já realiza esse trajeto para Parintins há 15 anos. Ele comemora os brincantes de boi-bumbá que chegam de última hora tentando comprar passagem. 

 

“Expectativa é muito boa. Esse ano, a expectativa é maior ainda. Estamos com 70% das passagens vendidas, mas tem muita gente que deixa para o último dia. Só não vai para Parintins quem não quer”, brinca o dono da embarcação.


0 comentário

Comments


bottom of page