top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Operação no feriado de Tiradentes registra mais de 23 mil passageiros no transporte intermunicipal

Em quatro dias, Arsepam contabilizou mais de 1.400 fiscalizações

 

Mais de 23 mil pessoas utilizaram os transportes intermunicipais no Amazonas, no período de 21 a 24 de abril. O dado é da Operação Viagem Segura – Feriado de Tiradentes, coordenada pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam).

Ao todo, 23.392 pessoas usaram os transportes regulados pela autarquia para acessar as cidades do estado. Deste total, 11.922 compreende o modal rodoviário e 11.470 o hidroviário intermunicipal.

 

O número de fiscalizações chegou a 1.426, sendo 1.104 no serviço rodoviário e 322 no hidroviário intermunicipal. Segundo o diretor-presidente da Arsepam, João Rufino Júnior, as atividades ocorreram sem grandes intercorrências que afetassem os sistemas.

 

O gestor explicou que a Operação Viagem Segura acontece sempre em feriados prolongados e tem ajudado a aprimorar o serviço intermunicipal. Ele destaca que outros órgãos da estrutura do Governo do Amazonas também realizam fiscalizações dentro de suas competências legais, oferecendo maior segurança aos passageiros e às próprias transportadoras.

 

Rodoviário, fiscalizações e destinos

 

Do total de 11.922 usuários do modal rodoviário intermunicipal, 9.609 deixaram a capital e 2.313 vieram a Manaus do dia 21 a 24 de abril.

 

Das 1.104 fiscalizações efetuadas, seis autos de constatação foram aplicados, sendo um por falta de pontualidade do serviço; um por lotação excedente; um por pneu em mau estado de conservação; e três por falta de cadastro junto à Arsepam.

 

Os autos podem resultar em multas que variam de R$ 86,93 a R$ 4.636,42, assim como a cassação da autorização de operação. No caso de reincidência, os preços das multas dobram de valor.

 

O posto de fiscalização com maior fluxo de saída/chegada de passageiros foi o da Ponte Jornalista Phelippe Daou (Ponte Rio Negro), em Iranduba (a 27 quilômetros de Manaus), com 5.199 pessoas. A menor incidência ocorreu no posto da Rodoviária de Itacoatiara (a 176 km de Manaus), com 193 pessoas.

 

Nessa modalidade, os destinos mais procurados foram Manaus (2.253 usuários – 9,63%), Iranduba (2.200 – 9,40%) e Manacapuru (1.707 – 7,29%).

 

Hidroviário, fiscalizações e destinos

 

Do quantitativo de 11.470 pessoas que usaram o modal hidroviário intermunicipal nos quatro dias de operação, 7.598 deixaram a capital e 3.872 chegaram em Manaus.

 

Das 322 embarcações fiscalizadas, nenhuma contava com irregularidades que pudessem resultar em sanções por parte da Arsepam.

 

Nesse modal, o posto de fiscalização com maior fluxo de saída/chegada de passageiros foi o do Porto de Manaus/Manaus Moderna (Centro), com 4.082 pessoas. O com menor foi o de Careiro da Várzea (a 25 km), com 7.388 pessoas.

 

As cidades mais procuradas no transporte aquaviário foram Manaus (3.872 usuários – 16,55%), Careiro da Várzea (3.516 – 15,03%) e Parintins (518 – 2,21%).

 

A Operação Viagem Segura – Feriado de Tiradentes contou com apoio do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), por meio do Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot); do Batalhão de Policiamento de Trânsito (BPTran); e da Superintendência Estadual de Navegação, Portos e Hidrovias (SNPH).

0 comentário

留言


bottom of page