top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Monitores de tabuleiros de quelônios fazem curso de reciclagem na RDS Uacari

Curso fez parte das comemorações do aniversário de 18 anos da Unidade de Conservação


No aniversário de 18 anos da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uacari, a Unidade de Conservação estadual realizou a sua  1ª Oficina Intermunicipal de Monitores de Praia de Conservação de Quelônios da Calha do Rio Juruá. O curso reuniu cerca de 100 comunitários de 23 comunidades, nos dias 1º e 2 de junho.

A oficina reuniu monitores da RDS Uacari e da Reserva Extrativista do Médio Juruá - UC Federal, localizada no entorno -, além de comunidades dos municípios de Itamarati e Juruá, que participaram da troca de experiências. A oficina ofereceu reciclagem e formação de novos monitores para a atividade, que ocorre há mais de 30 anos na localidade.

“Os monitores de praia tem uma grande importância no trabalho de conservação de quelônios no Juruá. Após a desova das fêmeas às margens do rio, são eles que realizam a contagem dos ovos e a vigia dos tabuleiros, garantindo a segurança contra predadores e caça ilegal”, ressaltou o gestor RDS Uacari, Gilberto Olavo. 


Além da proteção das praias, os monitores acompanham a eclosão dos ovos, o remanejo para os berçários e tanques, dos filhotes encontrados em vulnerabilidade e a posterior soltura de volta no Juruá.


A Oficina foi realizada pela Secretaria de Estado do Meio Ambiente (Sema), em parceria com o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Instituto Juruá e o Projeto Pé-de-pincha, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam). 

O encontro também teve a parceria da Associação dos Moradores Extrativistas da RDS Uacari (Amaru), Associação-mãe da RDS Uacari, Associação dos Extrativistas da Comunidade São Raimundo (Amecsara), Associação dos Produtores Rurais de Carauari (Asproc), Associação dos Trabalhadores Rurais de Juruá  (Astruj) e da Prefeitura de Itamarati e Juruá.


Monitoramento de quelônios

A RDS de Uacari e a Resex do Médio Juruá são referências nacionais em ações de conservação das espécies de quelônios. Graças à atividade e o consequente aumento das espécies na natureza, o Médio Juruá lidera a criação experimental de quelônios, atividade licenciada pelo Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam). O objetivo é desenvolver, no futuro, uma nova cadeia produtiva sustentável na região, promovendo renda para as comunidades a partir do manejo sustentável.


0 comentário

Comments


bottom of page