Buscar
  • Adauto Silva

Igreja Católica suspende atividades coletivas em Manacapuru 

Decisão foi tomada após reunião com representantes de entidades religiosas de Manacapuru e autoridades de saúde pública do munícipio.

As igrejas Testemunhas de Jeová e Mórmon, apesar de não terem emitido notas, assumiram na reunião que também irão suspender as atividades coletivas que possam colocar em risco a saúde dos membros. As demais não informaram se irão parar as atividades e seguem realizando cultos.

Diz a Nota

Paróquia Cristo Libertador COMUNICADO Paróquia Nossa Senhora de Nazaré Manacapuru,18 de março de 2020. Diante do avanço da Pandemia que assola o mundo e mais especificamente nosso País, o virus COVID-19, atendendo as orientações da Secretaria de Saúde, atraves da VIgilancia Sanitaria e Defesa Civil do Municipio de Manacapuru, feitas numa reunião durante dois dias na lgreja Assembleia de Deus, bairro da Liberdade, com líderes religiosos; padres e pastores e, sobretudo, no desejo de zelar pela vida de nossos paroquianos, acharam por bem: SUSPENDER todas as atividades de nossas lgrejas seja na Paróquia Cristo Libertador e Paróquia Nossa Senhora de Nazaré com suas comunidades urbanas e da zona rural, tais como: visitas as comunidades ribeirinhas e das estradas, reuniões de grupos, pastorais e movimentos, encontros de catequese, assembleias, praticas comunitárias da Quaresma, como caminhada penitencial, missas semanais e dominicais, novenas. Confissões apenas com agendamentos, por urn Período de 15 dias, a contar de 18 de março à 03 de abril de 2020. Estaremos retornando nossas atividades a partir de 04 de abril, se não houver outras orientações dos órgãos responsaveis da Saúde e da Diocese de Coari. Nossas igrejas permanecerão abertas, sem o uso do ar-condicionado, com os devidos cuidados de higiene, para orações individuais. Nesse perfodo, recomendamos que PERMANECAM em casa e evitem lugares de aglomerações, mesmo que seja em ambiente externo. NÃO DESCUIDEM de fazer a HIGIENIZAÇÃO básica que a OMS (Organizacao Mundial de Saúde ) recomenda. Queremos somar forças com o poder público de nosso Município e agir em sintonia com as orientações de nosso Bispo Dom Marcos, que nos disse em suas orientações sobre o assunto: Todos têm responsabilidade de evitar as situações que possibilitem o contágio. Os que estão a serviço da pastoral dos enfermos, devem adotar os devidos cuidados para evitar a propagação do virus, seguindo as orientações medicas". E disse ainda, "Enquanto durar a pandemia, reafirmamos a postura pastoral, adotada em outras dioceses do Brasil. As missas continuam sendo celebradas, mas seiamos atentos as orientações das autoridades de saúde pública". Temos a esperanca no Senhor e em seu Projeto de Vida Plena para todos. Como pastores, reafirmamos a importância de se tomar a serio as orientações em nota pela nossa Diocese de Coari, por meio de nosso Bispo Diocesano e as que estão expressas nesta Nota Comum das Duas Paróquias e Área Missionaria em Manacapuru. Não é tempo de desespero, mas, de prudencia diante desta triste realidade. Lembremos que ha muitas vidas ameacadas por tal mazela, e nós, parocos e vigários, juntamente com todas as lideranças leigas, defendemos a vida "como Dom e Compromisso". Confiamos na graca de Deus e suplicamos sua bênção e a force intercessora de Nossa Senhora e de todos os padroeiros para afastar do nosso Município tal ameaça. Pe. Paulo Aradjo (vigario)

0 comentário