Buscar
  • Adauto Silva

Há um passo da 3ª Guerra mundial》Alemanha envia armas para a Ucrânia se defender, saiba os risco




O chanceler alemão Olaf Scholz disse que a guerra na Ucrânia é uma “mudança de época” e entra com força na ajuda ao país agredido pela Rússia.


A Alemanha autorizou neste sábado (26/02) a entrega de 1.000 lança-foguetes antitanque à Ucrânia e 500 mísseis terra-ar. Além disso, o país também já admite a possibilidade de excluir a Rússia do Swift, sistema de pagamentos Swift, uma medida que pode isolar ainda mais Vladimir Putin.



Berlim cedeu à pressão da opinião pública e dos demais países da Otan. O chanceler Olaf Scholz disse que a guerra na Ucrânia é uma “mudança histórica”.


A Alemanha faz parte da OTAM, logo, em caso de represália da Rússia à Alemanha com confronto, os demais países devem sair em defesa da Alemanha, por ser esse um dos acordos do tratado. "O ataque à um, representa um ataque a todos".


Atualmente, os 28 membros da Otan são: Albânia, Alemanha, Bélgica, Bulgária, Canadá, Croácia, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, Estônia, Eslováquia, Eslovênia, França, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Noruega, Polônia, Portugal, Reino Unido, República Tcheca, Romênia e ...

0 comentário