top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Governo do Amazonas promove campanha contra exploração sexual infantojuvenil em parceria com tricicl

Ação é promovida por meio da Sejusc, em parceria com a Amazonastur

 

A campanha para o combate à exploração sexual de crianças e adolescentes durante o 56° Festival Folclórico de Parintins ganhou mais uma parceria, na segunda-feira (26/06). Cerca de 200 tricicleiros aderiram ao selo da campanha nacional “Faça Bonito”, durante encontro com o governador Wilson Lima, no Bumbódromo.

O ato é parte de uma cooperação técnica firmada pelo governador Wilson Lima, com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), para fortalecer as atividades de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes durante o festival.

“O Unicef é um parceiro importante do estado, em especial do Governo do Amazonas, em outras áreas e, desta vez, aqui no Festival de Parintins. O combate à exploração sexual é batalha que precisamos enfrentar para proteger as nossas crianças e os adolescentes e, nesta ação, contamos com a colaboração dos tricicleiros, uma categoria muito importante em Parintins e que atende muitos dos turistas que visitam a ilha neste período”, afirmou o governador Wilson Lima.

 

A ação foi realizada pela Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), em parceria com a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), com membros das associações dos Tricicleiros de Parintins (ATPIN) e de Tricicleiros Turísticos de Parintins (ATTP).

 

Os veículos típicos da ilha vão rodar a cidade levando uma placa com a mensagem: “Seja como os tricicleiros: Faça Bonito. Aqui, a exploração sexual de crianças e adolescentes não tem vez!”

 

Por ser o principal meio de transporte da Ilha Tupinambarana, essa é uma forma de manter a população informada sobre os canais de denúncia e mobilizar personagens importantes da cultura local, como os tricileitos, em favor da causa.

 

Parceria

 

A secretária titular da Sejusc, Jussara Pedrosa, reforça que os tricicleiros são o símbolo de Parintins e a adesão deles faz a mensagem chegar a todos os pontos da cidade, neste período em que a cidade recebe milhares de visitantes.

 

“O triciclo é o meio de locomoção que temos aqui no município. É superimportante essa parceria, porque eles estão levando a mensagem da importância do combate à exploração sexual das crianças e dos adolescentes, portanto, disque 100, procure o Conselho Tutelar, busque uma delegacia, procure a Sejusc. Estamos aqui para apoiar”, destacou.

 

Incentivo para combate

 

Mailer Castro, de 29, atua no modal há 5 anos. Ele, que é pai de cinco crianças, diz que procura conversar e orientar sobre a conduta dos filhos longe dele, e acredita que levando a informação sobre o Faça Bonito mais crianças serão orientadas corretamente.

“A importância disso é que irá combater muito a exploração sexual, visto que vem muitas pessoas de fora, e vai ajudar bastante o disk-denúncia. E, também, é um incentivo para a gente porque a gente vê pela rua várias crianças andando de noite e vai ser bem gratificante para a gente”, frisa.

 

Durante o festival, a Sejusc e a Amazonastur estão à frente das ações de prevenção. Desde março, cerca de 200 servidores públicos que irão atuar na cidade receberam treinamento para o combate da exploração sexual de crianças e adolescentes.

Na cidade, estão sendo realizadas abordagens junto às forças de segurança e saúde em pontos turísticos, hotéis, restaurantes e áreas de grande movimentação da cidade. As ações focam na prevenção e informação sobre canais de denúncia.

0 comentário

Comments


bottom of page