top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Fundação Hospital Adriano Jorge realiza jornada de atendimentos ambulatoriais

A ação ocorreu na sede da FHAJ e faz parte da estratégia de intensificação de atendimentos de saúde pública no Amazonas.


A Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ), instituição vinculada à Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), realizou o atendimento pré-operatório, com médico cirurgião-geral, de 38 pacientes em preparo para a realização das cirurgias eletivas de hérnia e cálculo na vesícula.

A ação ocorreu nesta sexta-feira (21/03), na sede da FHAJ e faz parte da estratégia de intensificação de atendimentos da saúde pública no Amazonas. O Secretário de Saúde, médico Anoad Samad, destaca a importância da ação.

"Com essa campanha, estamos conseguindo oferecer atendimento pré-operatório de qualidade e com toda a estrutura necessária para os pacientes que precisam realizar essas cirurgias. Estamos trabalhando para garantir que a saúde pública seja mais eficiente e acessível à população", disse o secretário.


Os pacientes receberam o atendimento pré-operatório que antecede os procedimentos cirúrgicos. O diretor-presidente da FHAJ, médico Ayllon Menezes de Oliveira, afirma que a medida beneficia quem precisa do SUS.


“Essa intensificação faz parte dos esforços da Fundação Hospital Adriano Jorge de atender a demanda represada de pacientes que aumentou devido a pandemia. Com o apoio da Secretaria de Saúde e do Governo do Amazonas, fizemos a ação para garantir que todos os pacientes possam chegar aptos para a realização do procedimento cirúrgico”, disse.


Balanço


 A FHAJ realizou 12.180 atendimentos ambulatoriais de janeiro a março deste ano.  O número é maior que no mesmo período de 2022 quando foram realizados 11.094 atendimentos ambulatoriais, que envolvem as consultas pré-operatórias e de risco cirúrgico com especialistas.

Ao todo, foram 1.086 atendimentos a mais realizados pela FHAJ. A unidade realiza em média 30 cirurgias por dia e conta com 196 leitos ativos.


A Fundação realiza cirurgias eletivas, que são os procedimentos cirúrgicos programados via Sistema Nacional de Regulação (Sisreg), e de urgência e emergência. Neste último caso, os procedimentos cirúrgicos são realizados quando os pacientes são enviados de outros hospitais e SPAs.


0 comentário

Comments


bottom of page