Buscar
  • Adauto Silva

Em São Gabriel da Cachoeira Polícia Civil prende Sargento do exército acusado de estuprar o próprio

Fonte: PC/SGC




Noite de quarta-feira (08), por volta das 20h, policiais civis da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas, sob a coordenação da delegada Grace Jardim, titular da unidade policial, realizaram a prisão em flagrante de um sargento do exército que não teve o nome revelado, ele é acusado de estuprar o próprio sobrinho de apenas 13 anos de idade.


Segundo a autoridade policial, o flagranteado já havia tentado cometer o crime no ano de 2019, mas a criança conseguiu fugir e se esconder. Infelizmente, no dia de ontem o autor cometeu o crime de estupro de vulnerável.


O crime foi realizado de forma premedidata. O autor soube que a criança estava sozinha naquele momento e se aproveitou da situação. Trancou a porta e usou da força para conte-la.

O flagranteado, de 48 anos, ainda ligava para a responsável pela crianca pra saber se já estava voltando.


“O maior problema em São Gabriel da Cachoeira com esse tipo de crime é que muitas vezes o estuprador é acobertado pela própria família que não que se 'expor' na cidade e na justiça, o que acaba perpetuando e 'normalizando' o crime de estupro de vulnerável por gerações, pois o autor, não sendo punido, acaba cometendo o delito com outras pessoas da familia. No caso em questão, a vítima estava sendo pressionada a não prosseguir com a denuncia. Isso acaba punindo a vítima mais uma vez, que sofreu as consequências desse crime brutal e ainda é hostilizada pela familia. Neste momento, é importante o apoio dos familiares!"

Em depoimento, as testemunhas disseram ainda que não é a primeira vez que o autor comete esse tipo de delito, mas que é a primeira vez que alguém tem coragem de denunciar.


Procedimentos - O homem foi flagranteado por estupro de vulnerável. Ao término dos trâmites cabíveis, ele vai ficar custodiado na delegacia, à disposição da Justiça.

0 comentário