top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Em março, mais de 70 mil pessoas utilizaram o transporte hidroviário intermunicipal no Amazonas

Nesse período, a Arsepam realizou 2.078 fiscalizações no modal

 

A Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados e Contratados do Amazonas (Arsepam) registrou que 70.120 pessoas utilizaram, em março de 2023, o serviço de transporte hidroviário intermunicipal. O dado leva em consideração as saídas de Manaus a outros municípios.

 

O Departamento de Transporte Hidroviário (DETH) da Arsepam contabilizou 2.078 fiscalizações no modal, o que representa um aumento de 23,25% em comparação a fevereiro, registrando 1.686 inspeções.

 

O diretor-presidente da Arsepam, João Rufino Júnior, destacou que as fiscalizações da Agência Reguladora ocorrem diariamente e que mensalmente são realizados levantamentos e estudos relacionados à movimentação dos postos de fiscalização.

 

O gestor adiantou que o fluxo de março foi 5,5% menor no comparativo ao mês anterior, mas que o dado não apresenta nenhuma anomalia dentro do sistema.  

 

“Estamos sempre atentos e estudando a movimentação nos postos de fiscalização, intensificando o nosso quadro de fiscais durante os feriados prolongados e em períodos de festividade com maior presença de público, na capital e no interior do Amazonas. O nosso maior objetivo sempre será levar mais segurança aos usuários dos transportes”, destacou.

 

Postos, movimentação e destinos

 

O posto de fiscalização com maior fluxo de passageiros no serviço de transporte hidroviário intermunicipal foi o Porto Público Privatizado de Manaus, localizado no Centro, zona sul, com 41.435 passageiros; seguido pelo posto de Careiro da Várzea, com 28.685.

 

Em relação ao tipo de embarcação, do total de usuários, 40.008 optaram por usar lancha rápida para acessar outros municípios; 17.461 ferryboat; 9.195 navio motor; e 3.456 barco motor.

 

As cidades mais procuradas pela população, em março, tendo como ponto de partida Manaus, foram Careiro da Várzea (9.560 passageiros – 13,63%), Cacau Pirêra (2.608 – 3,71%) e Coari (1.735 – 2,47%), distantes, respectivamente, 25, 17 e 363 quilômetros da capital.

 

Canais de atendimento

 

Em caso de dúvidas ou denúncias, as manifestações podem ser feitas na Ouvidoria da Arsepam, pelo 0800 280 8585 (de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h) e pelo (92) 98408-1799 (possui WhatsApp com atendimento 24 horas).

 

O órgão atende presencialmente nas dependências do Terminal Rodoviário Engenheiro Huascar Angelim (Rodoviária de Manaus), no bairro Flores, zona centro-sul; on-line, por meio do Sistema de Ouvidorias (Fala.BR); pelo e-mail institucional ouvidoria@arsepam.am.gov.br; pelo Sistema Eletrônico do Serviço de Informações ao Cidadão (E-Sic); e pelas redes sociais no @arsepamamazonas.

0 comentário

Comments


bottom of page