top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Em intercâmbio cultural, crianças da comunidade do Abelha apreciam espetáculo de ópera no Teatro Ama

Pelo segundo ano consecutivo moradores de áreas ribeirinhas terão a oportunidade de conhecer alguns espaços culturais da cidade

 

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa, em parceria com a Academia de Imagem Monóculo, realiza neste domingo (21/05), uma grande experiência cultural com crianças de comunidades rurais. Desta vez, a população da Comunidade do Abelha, localizada na margem direita do Rio Negro, terá a oportunidade assistir a ópera de marionetes “O Navio fantasma”, além de conhecer o Teatro Amazonas. 

Na programação, o público também terá a chance de conhecer o Centro Cultural Palácio da Justiça. O objetivo do evento é promover um intercâmbio entre crianças e jovens da área metropolitana de Manaus, por meio das experiências vivenciadas num passeio educativo aos equipamentos culturais da cidade, assim como ao Festival Amazonas de Ópera, suas produções e récitas. 

 

Segundo o conselheiro de Cultura da cadeira de Artes Visuais e Novas Mídias, Michel Mello, a ideia é que os menos favorecidos tenham acesso às artes e espaços culturais do estado.

 

“A nossa ideia é levar conhecimento, dentro das artes e da economia criativa, para as crianças e adultos de comunidades ribeirinhas e indígenas. Poder fazer trabalhos como esse é muito satisfatório, vamos realizar também algumas atividades com fotografia para os alunos do ensino médio e idosos”, ressalta Michel.

 

A Monóculo, além de desenvolver atividades culturais e educacionais com a fotografia e filmagem, também executa ações utilizando os conceitos do ESG, prática que reúne políticas de meio-ambiente, responsabilidade social e governança que estão relacionados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (OBS), estabelecidos pelo Pacto Global. 

 

De acordo com o titular da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, Marcos Apolo Muniz, esse é um bom momento para garantir essa troca com as comunidades rurais.

 

“Com o festival de ópera, as crianças poderão apreciar um pouco da arte lírica, assim como conhecer a mais linda casa de espetáculos, que é o Teatro Amazonas. Esse impacto cultural promove mais qualidade de vida à população”, conclui o secretário.


0 comentário

Comments


bottom of page