top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Em Humaitá, PC-AM prende carpinteiro condenado por estupro de vulnerável contra criança de 8 anos

Crime ocorreu em 2011, naquele município


Em Humaitá (a 590 quilômetros de Manaus), a Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Interativa de Polícia (DIP), prendeu, nesta sexta-feira (17/02), por volta das 14h, um carpinteiro, de 66 anos, que foi condenado pelo crime de estupro de vulnerável praticado contra sua afilhada, uma criança de 8 anos.

Conforme a delegada Wagna Costa, titular da unidade policial, o crime ocorreu no dia 3 de agosto de 2011, por volta das 17h30, às margens do igarapé do Been, naquele município.


“O autor era padrinho da vítima, e cunhado do pai dela. Ele tinha a confiança da família e, inclusive, frequentava a casa em que a menina morava; além disso, pedia aos pais para que a vítima dormisse na residência dele, ocasião em que aproveitava para consumar os abusos sexuais”, explicou a delegada.

Segundo a autoridade policial, após não suportar mais os abusos, a criança contou tudo para sua mãe, que a levou até a delegacia e registrou um Boletim de Ocorrência (BO) contra o homem.

“Tivemos conhecimento sobre a ordem judicial em razão de sentença condenatória em nome do indivíduo, decretada pela 1ª Vara da Comarca de Humaitá, e com isso, seguimos em diligências e conseguimos efetuar a sua prisão”, relatou Wagna.

Procedimentos

O homem foi condenado por estupro de vulnerável e seguirá para audiência de custódia, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.


0 comentário

Comments


bottom of page