Buscar
  • Adauto Silva

Disputa pelo comando do tráfico de drogas em Anorí deixa saldo de 6 mortos, sendo dois nesta semana


Um homem foi executado na noite desta quarta-feira em Anorí. Essa é a terceira vítima dessa semana da guerra pelo comando do tráfico de drogas no município, que já matou seis pessoas nos últimos quatro meses.



Nesta quarta-feira, por volta das 22h, na Rua Augusto Grijó, bairro São João, Anori/AM, foi morto a tiros a vítima ARNALDO ROZENO DA SILVA, 41 anos, quando chegava a sua casa, sendo abordada pelo autor FRANCISCO ERDESON DA SILVA JACQUES, conhecido por "DECO" O executor após desferir cerca de sete tiros contra a vítima evadiu-se e não foi localizado, sendo que a vítima foi socorrida e levada para o hospital local, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito horas depois.

Tanto a vítima quanto o autor possuem envolvimento com o tráfico de drogas, razão pela qual possivelmente a morte se deu em razão de disputa pelo tráfico de drogas na cidade.


A equipe de policiais civis e militares continuam em diligências em busca do autor.


No domingo - Um homem identificado por Francisco Souza, vulgo Chiquinho, foi executado a tiros e os atiradores ainda não foram identificados.



Na terça-feira - 05/04, um homem identificado apenas por Julian foi abordado por homens armados e levou seis tiros. A vítima chegou a ser socorrido, foi levada ao hospital do município e posteriormente encaminhado ao Hospital João Lúcio em Manaus, onde segue internado

Na noite desta quarta-feira, em outra ação de execução um homem foi morto a tiros. Ele chegava em casa de moto quando foi surpreendido pelo rival que chegou caminhando e atirou contra a vítima. O homem identificado por Arnaldo morreu no quintal de sua casa. Ele ainda chegou a identificar o rival e antes de morrer repassou a identidade do atirador que está sendo procurado pela polícia.

Ao todo seis pessoas já morreram e duas ficaram gravemente feridas nos últimos 4 meses, após o início da guerra do tráfico de drogas que esta sendo comandada por duas facções criminosas que atuam no município e querem assumir o comando das bocas de fumo que funcionam no município.



No fim do ano passado dois homens foram executados e um ficou gravemente ferido após ação de uma das facções que assumiu os crimes.

Em 16 de março uma ação das polícias Civil e Militar, com o apoio do Batalhão de choque, fechou com dois traficantes mortos, dois presos, além da apreensão de 14 armas de fogo e munições.



Armas apreendidas

08 revólveres 02 pistola 3 esp cal 12 1 esp cal 20




Drogas apreendidas

3,7kg de pasta de cocaína 02 porções de maconha..

Segundo o gestor do 79° DIP de Anori, Utarciso Rodrigues de Araújo Investigador de Polícia, a PC segue investigando os crimes e as polícias Civil e Militar estão trabalhando juntas no município em busca dos autores dos crimes relacionados à essa briga de facções.

"Estamos investigando e em breve estaremos cumprindo prisões que não podem ser reveladas agora para não atrapalhar as investigacoes", comentou.




0 comentário