top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Dia do Meio Ambiente: Idam destaca importância do produtor rural para a conservação da natureza

Entre as ações, estão a plantação de mudas, emissão de CAR, palestra e assinatura de termo de Assistência Técnica e Extensão Rural 


Em alusão ao Dia do Meio Ambiente, comemorado nesta segunda-feira (05/06), o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam) realizou uma programação voltada à valorização do produtor rural, que desempenha um papel fundamental na conservação da natureza. 

Entre as ações, estão a plantação de 20 mudas no terreno do Idam, palestra sobre o papel da Ater para a conservação do meio ambiente, emissão de Cadastro Ambiental Rural (CAR) e assinatura de um termo de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), em parceria com produtor familiar beneficiado com ação de reflorestamento na zona rural de Manaus. 

“Estamos conseguindo alcançar os produtores rurais, por meio dos 73 escritórios do Idam em todo Amazonas, e avançamos na regularização de áreas degradadas. Agradeço aos produtores rurais por receberem nossos técnicos em suas propriedades e por confiarem no compromisso do Idam”, afirmou o diretor-presidente do Idam, Daniel Borges. 


Na propriedade Sítio Mundial, localizada no quilômetro 67 da BR-174, pertencente à Waldemir Ferreira Lima, 68, o Idam, por meio da Unidade Local (UnLoc Manaus), realizou ação de reflorestamento de área degradada com diversas espécies econômicas, frutíferas e florestais como pé de tento amarelo, açaí, copaíba, orelha de macaco, ipê rosa, tento vermelho, paricá, ipê roxo, ipê amarelo. 


Após o plantio das novas mudas, foi assinado o termo de adesão à assistência técnica e extensão rural (ATER) entre o Idam e o senhor Waldemir, que passa a receber os serviços de assistência técnica florestal, no Projeto de Recuperação de Áreas Degradadas (PRAD), acompanhando o monitoramento do plantio de diversas espécies frutíferas e florestais, durante o período de execução do projeto.

“Eu agradeço ao Governo do Amazonas, o Idam, a Ufam e o Ipaam que estão me ajudando nesse reflorestamento nessa área desmatada e agradeço com o Idam, e a Ufam vão contribuir com a agricultura familiar para em breve levar os produtos para mercados e feiras”, pontuou o produtor rural.


Emissão de CAR e palestra


No auditório do Idam, o produtor  rural indígena Roberto Fernandes dos Santos, proprietário do Sítio Cafeína, situado no quilômetro 83 da BR-174, foi beneficiado com a entrega do Cadastro Ambiental Rural (CAR), documento importante para participação nas políticas públicas voltadas para o setor primário. 


“Somos os primeiros produtores de farinha ovinha aqui em Manaus e também estamos iniciando a produção de café. O documento é muito importante porque sem ele eu não tenho acesso aos órgãos do governo. Hoje, estamos produzindo por conta própria e precisamos desse apoio, mas quando vamos atrás perguntam se temos a documentação”, disse.


Após a entrega do documento, o chefe do Departamento de Assistência Técnica e Extensão Florestal do Idam, Luiz Rocha, realizou uma palestra sobre o “Papel da ATER para conservação do meio ambiente”, na qual destacou a importância do produtor familiar para o uso responsável dos recursos naturais com prevê a legislação com uso de 20% para atividade e 80% para reservas legais. 

“A regularização ambiental é fazer com que o produtor tenha um ordenamento de sua propriedade, utilize os 20% e mantenha os 80% para que ele possa fazer uso de outras formas através de manejo sustentável, e não voltado para a agricultura, pois quando ele vai trabalhar na reserva legal, pode fazer o uso através do uso racional”, ressaltou. 


Ao final da atividade, os servidores do Idam, acompanhados do diretor-presidente, Daniel Borges, realizaram o plantio de 20 mudas no terreno onde funciona o Sistema Sepror (Secretaria de Estado de Produção Rural). 

0 comentário

Comments


bottom of page