top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Dia da Agricultura: Governo do Amazonas incentiva a profissionalização de agricultores

Cursos oferecidos pela Sepror aumentam o sustento de agricultores, por meio da produção de hortaliças que são comercializadas em feiras comunitárias


Nesta terça-feira (17/10) é celebrado o Dia da Agricultura, e o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), acompanhou, a produção da agricultora familiar, Raimunda Carvalho, moradora do Ramal do 14, comunidade do Puraquequara, em Manaus. Ela foi uma das beneficiadas com a profissionalização dos cursos de capacitação de hortaliças e iniciação na piscicultura, e a entrega de alevinos.



Raimunda atua na produção de cheiro-verde, cebolinha, tomate, pimenta de cheiro, maracujá, maxixe, além da piscicultura e da avicultura em sua propriedade. Atualmente vende seus produtos em feiras comunitárias.

No dia da agricultura Raimunda falou da importância da agricultura na vida da sua família. “A agricultura para mim hoje ela tem um grande significado, porque daqui nós conseguimos produzir e tiramos nosso sustento, produção voltada à sustentabilidade.



É gratificante também a gente poder retribuir outras famílias com o nosso trabalho que gera outro trabalho também para outras famílias, por meio da mão de obra”, ressalta Raimunda.

Ela também recebeu doação de alevinos pela Sepror, em parceria com o Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável (Idam), e também a aquisição de um aerador, através do programa de Doação Onerosa, da Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS).



O engenheiro agrônomo da Sepror, José Portugal, ressalta que os alunos capacitados pelo curso de hortaliças, vem recebendo todo um acompanhamento da Sepror, para o desenvolvimento de suas atividades em campo.

“Iniciamos todo um trabalho de desenvolvimento, após a realização do curso, acompanhamos todo o processo produtivo. Uma agricultura que era apenas para o consumo próprio, hoje virou uma fonte de renda para eles”, ressalta Portugal.



Capacitação – Mais de 30 agricultores familiares da comunidade do Puraquequara foram capacitados pelos cursos de Iniciação à Produção de Hortaliças e na Piscicultura. Atualmente os produtores vendem a produção em feiras comunitárias, gerando renda para as famílias.




0 comentário

Comments


bottom of page