Buscar
  • Adauto Silva

Caso Lucas: a traição, ganha novo capítulo: Joabson Gomes, dono do Vitória é preso novamente pela PC



O empresário Joabson Agostinho Gomes foi preso novamente, nesta quarta-feira (9), após a Justiça do Amazonas conceder mandado de prisão busca e apreensão contra o empresário. Joabson foi levado para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).



Nesta nova fase do inquérito da morte do sargento Lucas Ramon, foram presos, além do casal dono do supermercado Vitória, mais dois suspeitos de participação no crime, um gerente do supermercado, que teria contratado o executor e mais uma mulher.



Nesta quarta-feira, 09, o caso Lucas, ganha maisbum capítulos, a polícia voltou a prender o empresário Jordana Azevedo, dono do supermercado Vitória em Manaus. O empresário e suspeito de ser o mandante da execução de Lucas Ramon Silva Guimarães, 29, que era sargento do Exército Brasileiro (EB). Crime ocorrido em setembro do ano passado.



Joabson é apontado junto com a mulher, Jordana Azevedo Freire, no inquérito policial como um dos mandantes do assassino de Lucas Ramon Silva Guimarães, 29, que era sargento do Exército Brasileiro (EB).



O militar foi morto com três tiros à queima-roupa na cabeça, na noite de 1º de setembro deste ano. Lucas Ramon era proprietério de uma cafeteria, que fica ao lado do Hospital Santa Júlia, na avenida Ayrão, no bairro Praça 14 de Janeiro, na Zona Sul da capital.



O casal que já foi preso anteriormente pelo suposto contrato do crime, continuou sendo investigado e agora Joabson voltou a ser preso. A DEHS fará coletiva ainda na manhã de hoje para esclarecer os novos fatos que motivaram a prisão.

0 comentário