top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Autazes》Na Terra do Leite garrafa de cachaça vale uma vida. Homem foi morto a facadas por dever uma

Homem é morto em Autazes por dever uma garrafa de cachaça. A PC cumpriu mandado de prisão em nome do autor pelo crime



A 39ª Delegacia Interativa de Polícia Civil de Autazes (a 113 quilômetros de Manaus) prendeu Antônio Júnior Siqueira Diniz, 39, por homicídio cometido contra Marcos Freitas Rodrigues, que tinha 35 anos. A prisão ocorreu com apoio da Polícia Militar do Amazonas (PMAM), no Ramal do Tumbira, Km 5 da Estrada do Rosarinho.



De acordo com a delegada Ivone Azevedo, o crime ocorreu no domingo (05/02), por volta das 19h20, na Praça Otaviano de Melo, bairro Centro daquele município.



“Segundo uma testemunha que passava pelo local no momento do crime, o autor havia cobrado da vítima uma garrafa de cachaça que ela supostamente devia a ele. No entanto, ao afirmar que não possuía a garrafa, bem como que não tinha dinheiro para comprar uma, Antônio levantou a blusa, pegou uma faca de cortar pão e desferiu golpes em Marcos”, disse a delegada.



Ainda conforme a delegada, em buscas pelo nome do infrator, foi constatado que ele já respondia por tráfico de drogas e roubo, bem como que havia um mandado de prisão em razão de sentença condenatória em aberto em nome dele pelo crime de roubo, expedido pela 1ª Vara de Execução Penal da Capital, no dia 11 de novembro de 2022.



“Obtivemos informações de que o autor estava escondido naquela localidade e, ao chegar no local, ele fugiu em direção à mata. Acionamos a PMAM, ocasião em que cercamos o local e conseguimos prender o indivíduo”, disse a titular.

Antônio responderá por homicídio qualificado por motivo torpe e roubo e ficará à disposição da Justiça.

0 comentário

Comentarios


bottom of page