Buscar
  • Adauto Silva

As más línguas em ação: Suposta traição em motel viraliza na Net e termina de forma inusitada



Uma internauta postou no Twitter a imagem de um homem parado olhando para dentro do motel. Foto repercutiu nas redes sociais

A foto de um homem parado em frente a um motel de Belém, no Pará, movimentou as redes sociais, na sexta-feira (8/4). Uma internauta publicou no Twitter a imagem com a seguinte mensagem: “Quem tiver agora no Valency agora, não saia ainda. Só um conselho”. Rapidamente, o post viralizou, mas a suspeita de um caso de traição terminou com final inusitado.



Segundo o Portal G1, o homem que estava na frente do motel era Leonardo Pantoja, que respondeu a publicação. “Moça, sou eu aí. Tava tirando as medidas porque vamos fazer a reforma. Tô só trabalhando, juro!”, disse.



A mulher dele, inclusive, também está na foto, porém Pantoja aparece na frente dela. “Minha esposa é arquiteta da empresa que sou sócio. Na verdade, era ela que estava tirando as medidas, e eu fui apenas para acompanhá-la, pra ela não ir sozinha”, detalhou Leonardo.



Pantoja é sócio de uma empresa de construção civil, chamada de InCon-Inteligência em Construções. Ele explicou que o dono de dois motéis localizados no bairro Val de Cães, na capital paraense, contratou a empresa para fazer um orçamento na fachada.


Ele disse ao G1 que estava preocupado com a repercussão. “Sou pai de família, tenho esposa, filhos”, afirmou. “Sei que a galera gosta de polêmica e fofoca, e que estão decepcionados com o final da história, seria muito mais legal se fosse traição. Mas é só trabalho mesmo, viu, galera? Bora seguir a vida e, pelo amor de Deus, juro que na próxima eu vou de capacete”, brincou.

“Pelo menos a esposa estava ao meu lado. É uma dor de cabeça a menos”, completou.


Ele disse ao G1 que estava preocupado com a repercussão. “Sou pai de família, tenho esposa, filhos”, afirmou. “Sei que a galera gosta de polêmica e fofoca, e que estão decepcionados com o final da história, seria muito mais legal se fosse traição.


Mas é só trabalho mesmo, viu, galera? Bora seguir a vida e, pelo amor de Deus, juro que na próxima eu vou de capacete”, brincou.


“Pelo menos a esposa estava ao meu lado. É uma dor de cabeça a menos”, completou.


0 comentário