top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

Amazonas Meu Lar: Governador Wilson Lima reassenta mais 103 famílias das comunidades da Sharp

Atualizado: 5 de mai. de 2023

Com o novo pagamento de soluções de moradia, Governo do Amazonas alcança 594 famílias reassentadas pelo Prosamin+

 

O governador Wilson Lima realizou, nesta sexta-feira (05/05), o reassentamento de mais 103 famílias das comunidades da Sharp e Manaus 2000, beneficiadas pelo Programa Social e Ambiental de Manaus e Interior (Prosamin+), que faz parte das ações do programa Amazonas Meu Lar. Com o novo pagamento, o Governo do Amazonas alcança 594 famílias retiradas das duas áreas de risco e reassentadas.

“Hoje, com o trabalho que é feito pela nossa equipe, nós já cumprimos 60% daquilo que a gente já havia se comprometido. Já tiramos quase 600 pessoas lá da comunidade da Sharp e da Manaus 2000 e, no próximo período chuvoso, ninguém vai sofrer lá na comunidade da Sharp e nem na Manaus 2000 com enchente”, declarou Wilson Lima, sob aplausos dos beneficiários presentes. 

Na ocasião, o governador lembrou que o Amazonas Meu Lar, maior programa de habitação da história do Amazonas, foi lançado no último mês de abril e que vai oferecer mais de 22 mil soluções de moradia no estado, ao longo dos próximos anos.

 

“Eu estou falando de, aproximadamente, 150 mil pessoas que vão ter uma moradia. E estou falando aqui de uma moradia digna, estou falando de respeito ao cidadão. Os conjuntos que nós estamos construindo estão inseridos na dinâmica social, em que as famílias que moram nesses conjuntos tenham ônibus próximo, tenham segurança, serviço de saúde, tenham escola próxima onde consigam colocar seus filhos, tenham comércio próximo”, ressaltou o governador do Amazonas.

 

Reassentamentos

 

Os recursos destinados para essa nova ação de reassentamento ultrapassam os R$ 8,5 milhões. As 103 soluções variam entre indenização, bônus moradia, auxílio moradia ou fundo de comércio 

Os pagamentos foram feitos no Centro de Convenções do Amazonas Vasco Vasques, na avenida Constantino Nery, nº 5.001, bairro Flores, zona centro-sul, na presença de vereadores, como Caio André, que preside a Câmara Municipal de Manaus; secretários de Estado, como o superintendente de Habitação, Jivago Afonso, e prefeitos do interior como Anderson Souza (Rio Preto da Eva), Nicson Marreira (Tefé) e Frederico Júnior (Novo Airão).

 

Segundo a Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), que coordena o processo e realiza os pagamentos, a expectativa é ampliar o número de famílias atendidas. Ao todo, 2.383 famílias deverão ser reassentadas.

 

Beneficiada nesta etapa, a indústria Denise Marques, 25, era moradora da Manaus 2000, junto com o filho. Segundo ela, sua preocupação era com a segurança do seu filho e também com os riscos de deslizamentos.

 

“É uma sensação de alívio, porque a situação que a gente vivia lá era muito complicada com as alegações, com perdas. Umas perdas irreparáveis que a gente teve de recomprar móveis. Hoje a gente pode dizer que é um alívio morar num lugar próprio e com uma tranquilidade de, se chover, a gente poder dormir tranquilo, sem nenhuma preocupação”, ressaltou Denise Marques.

 

Prosamin+

 

O Prosamin+, executado pela Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE), vai urbanizar uma área de 340 mil metros quadrados (m²), ao longo do Igarapé do Quarenta, num trecho entre a avenida Manaus 2000, no Japiim, e a Comunidade da Sharp, no bairro Armando Mendes.

As 2.383 famílias contempladas no processo de reassentamento estão cadastradas junto ao Governo do Estado desde 2020, quando iniciaram os trabalhos nas áreas contempladas pelo projeto.

 

Além de promover o saneamento básico e a urbanização, o Prosamin+ contribui com a retirada das pessoas das áreas de risco, evitando que, em época de chuva, fiquem vulneráveis.

 

O programa é financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), sendo prioridade os reassentamentos das famílias que estão na faixa de alagação e em situação de risco, nas áreas de intervenção das obras.

0 comentário

Comments


bottom of page