Buscar
  • Adauto Silva

Adolescente mata homem a facadas por suposta dívida e motiva a morte do pai da vítima 

Claudio Felipe Borba, 42 ano, morreu madruga desta sexta feira (14/02), no hospital do município de Santa Isabel do Rio Negro, onde estava internado desde o último domingo, após ter sofrido perfurações por arma branca. O crime ocorreu na madrugada de domingo (09). Segundo o delegado Aldiney de Brito, o menor infrator que cometeu o crime já foi apreendido. E deverá ser transferido nesta sexta-feira (14) para Manaus.

O homicídio foi visto como uma tragédia dupla para a família. Além da morte de Cláudio, o pai dele seu Miguel Borba, conhecido na cidade como Cará, morreu na noite desta quinta-feira por volta das 22 hs. O pai da vítima tinha problemas cardíacos e estava internado na UTI de um hospital de Manaus, supostamente o problema ocorrido com o filho pode ter agravado a situação de saúde dele, o que pode ter contribuído para a morte por infarto.

O crime

Em Santa Isabel do Rio Negro policiais cumprem mandando de busca e apreensão de menor infrator acusado de tentativa de homicídio.

A polícia Civil e militar sob o comando do Delegado Aldine de Brito do 76 DIP, cumpriram mandado de busca e apreensão de um menor infrator de 17 anos na manhã desta Quinta feira (13/02). Por volta das 10 hs, ele é acusado de tentativa de homicídio.

Segundo Informações do Delegado, o foto ocorreu na madrugada do último domingo (09), por volta das 04 hs, a Rua Padre José Schneider, Centro, "Praça da Prefeitura".

Em depoimento, o menor infrator afirma que iniciou uma discussão com a vítima, por causa de dividas. Alegação de que a vítima Claudio Felipe Borba, 42 anos de idade, pedreiro estaria lhe devendo uma quantia em dinheiro. Já a vítima afirmou em depoimento que pagou o que devia ao agressor e que mesmo assim foi agredido com uma arma branca, ele teve várias perfurações pelo corpo e está internado em estado grave no hospital do município. "O motivo da representação que fizemos foi tanto a gravidade da lesão sofrida pela vítima, que está inclusive aguardando transferência pra Manaus para melhor atendimento médico, quanto pelos extensos antecedentes do menor infrator, que já respondeu a 10 procedimentos em nossa delegacia por prática de diversos atos infracionais. A polícia civil acredita na versão da vítima, pois o menor tem histórico de violência contra várias outras pessoas e até mesmo ter participado de um homicídio em 2017, do qual resultou a prisão de um tio do menor, que ainda encontra-se preso. E mais o menor possui uma extensa de atos infracionais, como porte de arma, de droga, furtos qualificados e outros. O julgamos muito importante essa resposta rápida e efetiva das instituições até mesmo pra desestimular a prática de atos infracionais e crimes por outros jovens". Disse Aldiney de Brito. O menor infrator deverá ser transferido para uma Unidade de Internação Provisória em Manaus, nesta sexta feira 14/02), com apoio da PM e Conselho Tutelar.

0 comentário