top of page
Buscar
  • Foto do escritorAdauto Silva

ūüďĻ A separa√ß√£o e a disputa pelos bens pode ter motivado o feminic√≠dio de Neliane, acredita a fam√≠lia


"A gente chegou da academia, ela desceu da moto e ele veio direto nela e atirou três vezes. ela tava assim do meu lado", conta a irmã da vítima.



Neliane Carvalho dos Santos, 41 anos, vendedora de passagens fluviais, foi executada com três tiros por volta de 10 horas da noite desta terça-feira, 06/6. O crime ocorreu em frente ao apartamento da irmã da vítima no bloco 09 do residencial Ataliba, em Manacapuru.



Segundo a irmã da vítima que presenciou a ação dos criminosos, elas chegavam da academia e quando ela parou a moto em frente ao apartamento, os dois homens se aproximaram em uma moto e o garupa foi rumo à Neliane e atirou três vezes contra sua irmã.


Pelas características do crime o homicídio pode ser caracterizado como execução. "Eles não falaram nada, ele veio direto no rumo dela, atirou três vezes e depois eles fugiram na moto e eu fui socorrer minha irmã", contou à irmã da vítima.



Por se trata de um crime com características de execução, a família da vítima vê como principal suspeito o ex-companheiro de Neliane. Ainda segundo a família a vítima já tinha sido ameaçada de morte diversas vezes pelo ex, que não aceitava a separação, já tinha pedido medida protetiva e atualmente era ameaçada pelo ex-companheiro que brigava pela posse de todos os bens do casal.



O casal estava separado há menos de dois meses e apesar de 'Vale', como era conhecido, já conviver com outra mulher, a separação do casal, além da disputa pelos bens, pode ter sido, para a família, o motivo da encomenda da morte de Neliane.



Neliane e o ex tinham uma casa, uma lancha com capacidade para 20 passageiros e uma moto. Segundo a família o homem já tinha vendido a lancha por R$70 mil e colocado placa de venda na moto, sem dar nada para a vítima.



Estava marcada para dia 15 de junho, a audiência do casal na Justiça para a separação dos bens.


O homem conhecido por Waludi, chamado de 'Vale', n√£o foi localizado para falar sobre as acusa√ß√Ķes e do homic√≠dio da ex-companheira.



0 coment√°rio
bottom of page